domingo, 17 de abril de 2011

Meu mapa astral....

De acordo com seu horário de nascimento, Rita, seu signo ascendente é igual ao seu signo solar: ambos se encontram em Capricórnio. Quando este tipo de coisa ocorre, diz-se que a pessoa é um tipo muito forte do signo, com todas as qualidades e defeitos associados à cabra que sobe a montanha. 

Gente como você já nasce meio velha. A realidade é percebida desde cedo, e você percebe que precisa crescer, caso contrário será mais uma vítima num mundo que costuma engolir gente fraca. Daí você veste a armadura e aprende ao máximo, não apenas com suas experiências como também com as dos outros, e assim desenvolve um lastro muito sólido... mas também uma natureza desconfiada, algo melancólica e "cansada". 

Costumo dizer, Rita, que quando Capricórnio está tão forte num mapa, a pessoa "amadurece ao contrário": nasce velha e fica jovem com o passar dos anos. De certa forma, você é como vinho. 

Sucesso em longo prazo é a marca registrada dos filhos de Saturno. As coisas só têm graça se forem conquistadas com labor, esforço. Se algo vem muito fácil, você arranja um jeito de complicar, pois não acredita em nada de graça. 
Costumo brincar dizendo que Capricórnio é o signo dos "três pês": prudência, persistência e paciência. 

A prudência se manifesta numa percepção de que o mundo é um lugar inóspito, e que é preciso tomar cuidado e não confiar tanto. A persistência brota da sua atração natural pelas coisas que demandam tempo. E a paciência - ainda que seja algo cultivado e não necessariamente "de nascença" - é um elemento que você percebe como essencial. O tempo é seu melhor aliado, Rita. Você percebe, no fundo da sua alma, que não há nada que ele não resolva! 

Tome um certo cuidado com princípios e percepções rígidos demais. Convém cultivar um pouco de adaptabilidade, ser menos radical, soltar mais os sentimentos, acreditar e confiar pelo menos "um pouquinho" mais nas pessoas. E, principalmente, aprender a delegar responsabilidades. Você não precisa levar o mundo inteiro nas costas, Rita! Esta atitude inclusive faz mal pra coluna - área sensível do seu corpo.
Sabe que eu até gostei do meu mapa astral, eu acho que sou assim ....
Postar um comentário