quarta-feira, 7 de setembro de 2011

7 de Setembro....

Foi no dia 7 de setembro de 1822, nas as margens do Rio Ipiranga, ocorreu um  fatos mais importantes da historia , o fim do domínio português e a autonomia politica do Brasil, foi ele Pedro I que protagonizou tal façanha, data que deve ser  muito comemorada ainda hoje, porque a busca da liberdade é, e sempre deve ser um ideal a ser conquistado.
Somos um País livre, democrático, e nunca devemos esquecer isso. No entanto, o significado de "independência" é algo mais profundo e digno de reflexão, é um substantivo feminino singular, cujo  sinônimo  é "autonomia",.
O País como um todo é independente e autônomo sim, politicamente falando..
E o povo é?
Nós somos um País que temos nossas próprias leis... e é esta Carta Magna que estabelece e confirma nossa independência , mas será que isto está valendo...
Lá diz claramente que todo cidadão tem direito a saúde, educação,moradia, lazer, transporte,são direitos do cidadão segundo : http://www.brasil.gov.br/sobre/cidadania/direitos-e-deveres-individuais.
Eu sei que sou uma pessoa independente, tenho direito a saúde porque pago um convenio médico, tenho a educação porque meu filho estudou em escola da rede privada, tenho minha casa porque ralei demais pra pagar e a prestação não era nada barata, lazer tenho porque adoro cinema e pago por isso, transporte consegui comprar um carro, portanto a minha independência foi conquistada por mim, eu tenho autonomia.
E quem infelizmente não tem a condição para isso, será que é independente, o governo esta colaborando para essa autonomia?
Um País é independente, quando o seu povo é também...
Hoje eu gostaria de comemorar, uma data onde todo o  povo tem seus direitos respeitados, e uma autonomia verdadeira, com uma educação  eficiente, com hospitais que atendessem o paciente com dignidade, que as casas fossem de alvenaria, que todas as crianças tivessem parques lindos para brincar e não nos lixões atras de produtos recicláveis para vender e juntar alguns tostões para ajudar a família..
Queria um País sem muitos contrastes... Queria um País independente...
Postar um comentário