domingo, 13 de maio de 2012

Mãe.

Hoje é dia das Mães, é sabido que é mais um dia criado pela Indústria e Comércio, para aquecer as vendas nesta época do ano. Mas, em todo caso está valendo, ganhar presentes é ótimo. Na realidade o que uma mãe quer é o carinho e o amor dos filhos.
Sou mãe, fui filha e aprendi com minha mãe, que a uma mãe tem que ser amorosa,  tem que ser leoa, e tem que ser má, sim má..., porque quando a mãe é muito boa ela pode criar monstros, e a mãe má é aquela que diz "não", que muitas vezes é brava. É aquela que ama, porém corrige e pune, aponta os erros e  orienta o melhor caminho a seguir. É aquela que veta amizades inadequadas, porque adolescentes são sempre influenciáveis, e se não houver pulso forte nesta hora o resultado pode ser desastroso. A mãe é aquela que dá liberdade, mas contudo ela é vigiada.
Ser mãe, é aquela que ao ouvir o grito revoltado e o bater da porta do filho, calmamente virá e diz: "Tá de castigo!"
Ser mãe é aquela  que faz o filho passar vergonha, por não concordar com uma atitude que futuramente irá faze-lo sofrer.
Ser mãe é preparar o filho para a vida, é dizer que o mundo não é cor de rosa, muito pelo contrario, a vida lá fora é um mata-mata, e na vida só vence quem se prepara, quem segue o caminho reto,  tem que se ter coração , mas há  de se ter razão também.
Eu Amo meu filho, ele é minha prioridade, mas não sou uma mãe boa, sou uma mãe má.
"Me perdoe meu filho, mas um dia vai me agradecer."


Um feliz dia das Mães para todas as mães más!
Postar um comentário