domingo, 17 de junho de 2012

relacionamentos diários

As relações interpessoais são necessárias em nosso dia a dia. Mas para manter um relacionamento, seja ele em família, amigos ou organizações, seja  qual for, há de se ter um jogo e cintura e um traquejo fenomenal. Somos tão diferentes, é sempre difícil lidar com isso,  por mais que digam que seja fácil, porque nosso olhar critico é maior, aquilo que não nos é comum choca, gostamos muito de ver nosso reflexo no outro, o que não é parecido torcemos o nariz. Não somos feitos para ser contrariados.
Porém para que a convivência seja perfeita ou no mínimo tolerável, temos que aguçar nossos sentidos, como a tolerância, paciência e principalmente a empatia. É a partir da empatia que começamos entender as outras pessoas, nos colocando exatamente em seu lugar, talvez seja essa a maior das leis de convívio. Através da empatia, podemos evitar conflitos, apaziguar , evitando assim confrontos maiores. Isto nos tornam pessoas equilibradas, e respeitadas por isso, nos tornamos mais receptíveis e confiáveis.
Toda ação gera uma reação, se gritarmos receberemos um grito maior, mas se diante de uma atitude hostil  formos doces ou mantivermos o silêncio,  desconcertaremos o outro, que certamente ficará sem ação. É claro que ninguém muda de uma hora para outra, mas tal fato faz com que a pessoa repense certos valores, que já  é um grande progresso e com o tempo poderemos ser responsáveis por mudanças comportamentais fantásticas. Para tanto alguém tem que dar o primeiro passo, então que sejamos nós. O que acha disso?


Postar um comentário