terça-feira, 24 de julho de 2012

E por falar em amor.

Confesso que ainda estou invocando todos os espíritos de sabedoria para poder destrinchar esse assunto. É profundo demais e sozinha creio que é impossível, é muito difícil de explicar, e conforme vou falando com as pessoas cada um tem sua interpretação, não existe explicação única, só quem sente sabe ou pelo menos pensa que sabe.
Existem várias formas de amor, amor pela família este é incontestável e incondicional;  amor pelos amigos é uma coisa fraternal , camaradagem, cumplicidade.

 O amor entre um homem e uma mulher. ahhh! como diz uma música: "O amor é o calor que aquece a alma". É amor de carne e amor de alma.Quem encontra esse amor pode levantar as mãos para o céu e agradecer, é raro acontecer.
 Muitos  dizem que conhecem, mas na realidade são poucos que sentem realmente, é algo que transcende, que tudo tolera, que tudo suporta, que vive literalmente para outro, é como ar e água. E é na dificuldade que percebemos a intensidade desse amor, na falta de dinheiro, na doença e na ausência.
Há aqueles que amam e não são amados, mas que de tanto amor acham que o amor que sentem é o bastante para os dois, e convivem bem com isso. Existem aqueles que não amam e nem querem, porque tem medo de sofrer, mas nisto ninguém manda, o amor acontece e o destino se encarrega  e entra sem pedir licença.
Mas uma coisa é certa ninguém vive sem amor, e quem ama carrega nos olhos , o brilho contagia .
Quem tem um amor cuide bem dele, regue todos os dias como se fosse flor, e um dia caso seu amor parta, você saberá que te  trouxe felicidade e te completou, o sofrimento a princípio será inevitável, mas depois de um tempo a saudade boa acalmara seu coração. E quem sabe te preparar para receber um novo amor.


Postar um comentário