quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Anjos sem asas, você pode ser um deles.

 Serafins,Querubins,Ofanins, Arcanjos acredito sim em anjos, destes que não vejo. Mas, acredito em anjos sem asas, anjos mortais, também. 
Estes sem asas, se fazem presente, provocam mudanças, trazem alegria,se fazem presentes das mais diversas formas.
Tais anjos, são humanos especiais, claro que carregam defeitos, se não o tivessem asas teriam, está cheio deles por ai, talvez em cada esquina tenha um, ou tenha um para cada um. Estes seres não carregam nenhum poder sobrenatural, no entanto carregam o mais natural possível, que são poderes simples que todos nós temos guardados, caridade, carinho, compreensão, paciência, e principalmente amor.
Feliz  quem já encontrou tais anjos, ou pelo menos um deles, certamente mudou sua história, sua visão de mundo, coloriu a vida. Todavia, não devemos apenas procurar encontra-los e sim imita-los, porque neste mundo há muitas pessoas precisando de anjos, dos anjos sem asas, e com certeza dentro  de nós existe um. E este anjo deve ser lindo, mas não tem asas.Ele pode ser você.

domingo, 23 de setembro de 2012

APAIXONE-SE!

Estava apreciando o álbum de fotos de uma amiga muito querida e que por sinal já faz algum tempo que não vejo, mas enfim não é deste abandono que quero me queixar, e também não vou me queixar de nada, porque pelas fotos que vi somente posso me sentir feliz. 
Através das fotos pudê ter uma leitura perfeita de uma vida, do que foi e do que esta sendo, e o que a felicidade pode fazer na vida das pessoas. E não é algo que o dinheiro compre, é algo que é interno.
Esta linda, já era linda,mas os olhos hoje tem mais brilho diferente, de quem encontrou a vida na sua plenitude, essa beleza plástica nenhuma no mundo proporciona, é o viço da felicidade simples e expontânea, pode ser que a felicidade não dure eternamente, mas certamente as marcas por ela trazidas, estas sim ficaram para todo sempre, são marcas de quem viveu e vive um grande amor.
O conselho para ficar linda(o) parece que um só: APAIXONE-SE, por alguém ou por sigo mesmo, o espelho agradece,
Beijo, Van.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

AMAR ALGUÉM, NÃO FAZ MAL A NINGUÉM.

 Amor...
 Ah!! o amor, sentimento universal, regado de emoções,
 o amor tem diversas formas e modos de senti-lo.
 Existe o amor fraterno, o amor de amigo, o amor pelo filho e o amor pelo marido,
 tem o amor pelas coisas,
 E tem o amor próprio, e quando esse aflora,
você cansa de dizer " te amo " sem resposta,
Amor tem que ser compartilhado.
Amor cansa de amar também,
talvez descanse por tempo indeterminado,
porque precisa ser regado,
se não for, secado fica,
e num terreno aerado, até petrifica,
Sem solução endurece, vira rocha,
flor seca, e murcha.
Amor que não é cuidado, fica assim,
não vinga,
Amor tem que ser trocado,
tudo um dia cansa,
é  como um um sonho mal sonhado,
até o amor cansa de não ser amado.

Resolvi escrever estes versinhos sem sentido, à todos aqueles que amam só por amar, e para aqueles que recebem sem dar, seja quem for, amigos, filhos, maridos. Ninguém ama sozinho, se mostrar é preciso, não sinta vergonha de dizer eu te amo, faz bem para quem recebe e enche o coração de quem diz.
Amar alguém, só pode fazer bem!

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

sem inspiração para escrever...

Hoje sem inspiração para escrever, isto é uma coisa que acontece há dias que devemos ouvir mais, falar menos, e sentir em exagero... certamente hoje é um dia destes...Dia de apreciar, sentir cheiros, e viajar interiormente, refletir, e quem sabe chorar, a lágrima muitas vezes refresca a alma...

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

SETEMBRO, UM MÊS DE INDEPENDÊNCIAS.

Hoje 7 de setembro de 2012, há exatos 190 anos D. Pedro primeiro deu o grito de independência.Não se sabe ao certo em que circunstâncias foi, mas é pouco provável que tenha sido naquelas relatadas no quadro de Pedro Américo, que é quase uma cópia fiel do quadro pintado da Revolução Francesa pintado    por Delacroix. Mas tá valendo D. Pedro fez o seu papel..."Independência ou morte!".
Digo que Setembro é um mês de independência, porque no próximo dia 22 fará 6 anos de vigor de uma lei que causou uma independência com um valor tão grande quanto este feito de Pedro.
São seis anos da Lei de nº 11.340, que diz na sua introdução:

"
Cria mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, nos termos do art. 226 da Constituição Federal, da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra as Mulheres e da Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher; dispõe sobre a criação dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher; altera o Código de Processo Penal, o Código Penal e a Lei de Execução Penal; e dá outras providências."

Esta lei deu a possibilidade de muitas mulheres deixarem de ser violentadas e manter-se vivas, pois a partir daí a maioria não se calou, apanhou sim, mas viu seu seu agressor pagar por isso, e enfim  a liberdade , de uma forma vigiada, mas amparada pela lei.
O homem algoz, deixou de ser dono, e teve que render-se a vitória, regada de sangue, chorada e morte de algumas, que não tiveram a chance de ter uma Lei ao seu favor. Rendido agora pensa duas vezes antes de levantar a mão.
Viva a Independência!  Viva Maria da Penha!

terça-feira, 4 de setembro de 2012

AS PESSOAS NÃO PASSAM EM NOSSA VIDA POR ACASO

A vida é feita de encontros. Muitas vezes agradáveis que realmente agregam algo de bom em nossa existência, é quando percebemos que não estamos sós, que sempre alguém vai aparecer para fazer companhia, seja de que modo for por telefone, rede social, poucas vezes ao vivo, mas que está de uma forma mágica presente em todos os momentos,  e de quando em vez aparece para uma visita relâmpago  porém que faz toda a diferença no dia.
São assim os anjos que aparecem em nossas vidas, não são imaginários são reais, são pessoas que tem uma missão especial, a de deixar algo delas conosco e levar algo nosso consigo. Elas passam e podem ficar, depende do céu que podemos oferecer. 
Uma linda frase de Charles Chaplin  ilustra bem esse meu pensamento, e o valor que deve ser dado que as pessoas que por nossa vida passam.


"Cada pessoa que passa em nossa vida, passa sozinha, é porque cada pessoa é única e nenhuma substitui a outra! Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha e não nos deixa só porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós. Essa é a mais bela responsabilidade da vida e a prova de que as pessoas não se encontram por acaso."

APLAUSOS.