segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

O NATAL É TODO DIA.

Todo ano se fala da loucura que acontece nesta época do ano, não sei se é o fato do natal em si, ou por conta do 13º salário que oferece uma condição a mais para as compras. O povo parece perder a noção, onde se anda é um empurra- empurra, uma gana ao consumismo.
Comer há de se comer bem o ano todo, vestir-se também, presentes pode-se dar em qualquer época. E o sentindo verdadeiro do natal vai se perdendo pouco a pouco, porque natal nada tem haver com tudo isso,  deveria ser um estado de espírito, repleto de fé, amor e paz, e não vejo mais isso.
Que pena que tudo que era simples se perdeu, o poder da moeda fala mais alto. É triste...
Tive natais felizes em minha vida, já falei a respeito disso  algumas vezes aqui, outros que foram angustiantes e outros que talvez nem existiram, porque não encontrei sentido. Por isso que digo que deveria ser algo maior, porque se trata de algo espiritual, que existe dentro de cada um.
Para mim o natal é todo dia, e acho que deveria ser assim. A vida é uma celebração diária, é um aprendizado cotidiano, coberto de erros e acertos, e isso faz com que o ser humano evolua e torne-se melhor. 
O natal é evolução, um renascimento, um acontecimento fantástico, que infelizmente nem é notado.
Jesus renasce todos os dias nos corações, porque Jesus sou eu, é você, somos todos que temos a capacidade de amar e tolerar, e isso independe de data específica ou credo, é uma prática diária, que deve ser levada a sério, porque se não for por esse caminho nos tornamos pessoas vazias, que apenas correm atrás de algo palpável  e comprável que nos faça feliz, e felicidade não é isso. Felicidade é algo que vai bem mais além, é aquilo que não se compra, é o que de mais simples existe.



Postar um comentário